A Nintendo vai atualizar a CPU do Switch

Com os olhos voltados ao novo Nintendo Switch Lite, a Nintendo pediu sorrateiramente para fazer alterações ao Nintendo Switch original. Estas alterações incluem um novo chip e processador que deverão, teoricamente, melhorar a performance do Switch original.

Tal como explica o The Verge, a companhia nipônica pediu permissão à Federal Communications Commission (FCC) para alterar um dispositivo existente. Neste caso em particular, pede para fazer alterações ao FCC ID: BKEHAC001, referindo-se ao Nintendo Switch original.

A Nintendo pediu uma mudança de Class II para atualizar o SoC, o tipo de NAND Memory e a CPU. Isto significa que a companhia pretende atualizar o processador Nvidia Tegra, ou o SoC do Switch, por um novo.

Um novo chip pode significar um conjunto de melhorias secundárias, ou pode até nem significar nada demais. O processador Tegra X1 não está ultrapassado, mas poderá ser necessário um novo chip por razões de custo e/ou produção.

No entanto, isto não descarta uma pequena melhoria de performance. Um chip novo poderá acelerar jogos, diminuir tempos de carregamento e melhorar a duração da bateria. A Nintendo provou recentemente que consegue melhorar a performance dos jogos do console depois de lançar uma atualização com a chegada do Nintendo Labo VR. Desta forma, existe espaço para melhorias nos modelos originais do Switch.

O período deste pedido coincide com o anúncio do Nintendo Switch Lite, e ao The Verge, a companhia confirmou que este novo console usa um novo chip que melhora a duração da bateria. Desta forma, este pedido ao FCC poderá significar a introdução deste chip no console original também.

Fonte: Ign

você pode gostar também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia Mais